Proex abre edital para Cantores(as) para o Programa Maracatu

Proex abre edital para Cantores(as) para o Programa Maracatu

Por João Roberto Barbosa
Estagiário

A Pró-Reitoria de Extensão (Proex) da Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (Uncisal), torna público que estão abertas as inscrições para cantores(as) sem vínculo institucional para o Programa Transdisciplinar de Improvisação Clínica Percussiva Afro-brasileira. Os alunos interessados deverão se inscrever na sala da Proex (3º andar do prédio sede), do dia 04 ao dia 20 de abrildas 9h às 12h e das 13h às 16h.

O candidato deverá preencher uma ficha de inscrição, com dados pessoais, disponibilidade de horário e entregar cópias dos seguintes documentos: RG, CPF ou carteira profissional ou carteira de habilitação, comprovante de residência e de experiência na área (se possuir). A seleção será realizada no dia 12 de maio, às 16 horas, no Mega-auditório da Uncisal, por meio de entrevista pela coordenação do projeto e demonstração prática de canto de músicas afro-brasileiras.

Confira o edital no link abaixo:

EDITAL CANTORES MGZ 2018 NOVAS DATAS – 4 vagas (2 para inscritos no CADIS UNCISAL e 2 para o público em geral).

 

O resultado será divulgado no site da Proex no dia 05 de maio, e no dia 19 de maio os selecionados iniciarão as atividades com os demais membros do projeto.

 

 

 

Foto da ação realizada na praça Tenente Madalena, em Cruz das Almas.

 

Dentre as atividades já realizadas pelo grupo, houve uma ação no sábado de aleluia (31 de março), com apoio da Proex e em parceria com a Associação de moradores do Conjunto Beira-mar, na praça Tenente Madalena, em Cruz das Almas. O evento Tambores de Sábado de Aleluia (baseado em uma tradição maranhense de celebração dos sentimentos que envolvem a Páscoa)  contou com distribuição de doces, pipocas, refrigerantes, algodão doce, além de brincadeiras para as crianças, apresentação de mágico e uma oficina de percussão. Confira a matéria completa clicando aqui .

 

 

O Maracatu Ganga Zumba é um núcleo permanente de estudo de Maracatu de Baque Virado, Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil, e tem por objetivo principal formar percussionistas capazes de utilizar a improvisação clínica percussiva para a promoção de cuidados de saúde. Tem como missão incentivar o estabelecimento de momentos lúdicos, culturais, artísticos e científicos que estimulem o aprendizado transdisciplinar e promovam o bem-estar nos participantes do Programa de Extensão Improvisação Clínica Percussiva Afro-brasileira e demais envolvidos no programa.

 

 

 

 

abril 16, 2018 · Não é possível comentar
Publicado  em: banner, Noticias  Por: João Roberto Barbosa