Hospital Helvio Auto treina servidores para lidar com pacientes psiquiátricos

Hospital Helvio Auto treina servidores para lidar com pacientes psiquiátricos

 

Setor de Psicologia e Enfermagem dão suporte técnico aos servidores que tratam de pacientes com este perfil. Foto: Cortesia Equipe HEHA

Ana Paula Tenório – Ascom HEHA

Em decorrência da necessidade de recebimento e tratamento de pacientes que apresentam algum distúrbio psiquiátrico, as coordenações de Enfermagem e Psicologia do Hospital Escola Dr. Helvio Auto (HEHA), unidade assistencial da Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (Uncisal), estão promovendo treinamento com a equipe de enfermagem para uma melhor abordagem e manejo destes pacientes.

Como referência em doenças infectocontagiosas no estado de Alagoas, o Hospital Escola Dr. Helvio Auto apresenta expertise técnica para tratar de pacientes com infecções causadas por diversos agentes patológicos, mas junto a estas infecções, uma parcela dos pacientes também apresenta distúrbios psiquiátricos, causados ou não pela patologia infecciosa. A partir deste perfil, foi identificada a necessidade de preparar a equipe para o tratamento de pacientes com estes distúrbios por meio de treinamento desenvolvido primeiramente para uma categoria profissional.

Treinamentos são feitos na sala de prescrição da própria unidade, para atingir toda a equipe plantonista no ambiente em que estão inseridos. Foto: Cortesia Equipe HEHA

A Unidade 13, que atende pacientes com doenças respiratórias (tuberculose, pneumonias etc.) é uma das unidades que mais tratam pacientes com distúrbios psiquiátricos no Helvio Auto, uma vez que recebe constantemente pacientes em situação de rua e dependentes químicos em abstinência (álcool e drogas). “O perfil dos nossos pacientes da Unidade 13 é de abandono de tratamento, o que gera uma reincidência de internação muito grande. Muitos não têm familiares, devido à condição que apresentam e quando hospitalizados apresentam agressividade e resistência ao tratamento”, argumentou a coordenadora de Enfermagem da Unidade 13, Carla Melo.

Diante dos anseios da equipe de enfermagem, foi desenvolvido um treinamento com técnicas de abordagem e manejo de pacientes com este perfil, inicialmente para os profissionais da Unidade 13. Os encontros são semanais, todas as sextas, às 16h e são facilitados pela psicóloga do HEHA, Mônica Gama.

“Diante da necessidade do setor, nós desenvolvemos o projeto chamado Minuto Psi. O método utilizado é a apresentação do tema por meio de uma roda de conversa, onde são apresentados métodos e sugestões. Temos também o espaço de escuta e reflexão da atuação profissional com estes pacientes. Já notamos que o trabalho tem surtido efeito, percebo as pessoas mais reflexivas quanto a sua prática, os profissionais já apresentam o olhar mais aguçado e já recorrem à Psicologia quando necessário. Atualmente já existe uma certa estabilidade no setor, pois estamos dando mais confiança e suporte técnico, discutindo também outros temas que envolvem a saúde mental dos servidores”, explicou a psicóloga Mônica Gama.

Ao final das seis primeiras semanas de treinamento, será feita uma avaliação geral com a equipe para discutir método, orientações e direcionamento, e de acordo com a necessidade, adaptá-lo às outras unidades de internação do Hospital Helvio Auto.

maio 15, 2019 · Não é possível comentar
Publicado  em: banner, Noticias  Por: João Roberto Barbosa